sábado, março 27

Sem teto


Ando sem razão
Ando sem esperança
Vou caminhando sem rumo
Não sei aonde irei chegar
Já não sei as palavras de antes
Já não sinto o amor de antes
Ando descalço
Na estrada de pedra
Meus pés doem
Meu coração chora
Eu...
Eu sou apenas um nada
Mais um que não tem onde morar.

3 comentários:

Hamilton H. Kubo disse...

Talvez, procura encontrar respostas.
Ou mesmo alento e morada em lugares errados.
Ninguém nunca é nada, mesmo que por vezes sentimos ser.
Olhe em volta, segure nas mãos de seus amigos e verás que a busca é conjunta.

Beijos ótimo final de semana!

P.S. Conte conosco!

Jυℓyαnα ツ disse...

Eu estou se caminho também...
O que antes me era certo agora me é extranho...
E o que eu queria agora é uma grande interrogação...



Bejãoooo ;*

Hamilton H. Kubo disse...

Tem selos lá para vc.

http://profundopensar.blogspot.com/2010/03/meme-os-sete-pecados-capitais-e.html

Bjos!