quinta-feira, janeiro 7

Talvez nem tudo seja eterno



Talvez um dia tudo se perca
Talvez os "Felizes para Sempre" termine
Talvez a paixão se afogue
O sol não venha a nascer mais
Talvez as estrelas se apaguem
Pode ser que um dia irei acordar e não verei mais o brilho dos teus olhos
E que meu sonho perfeito se torne meu pior pesadelo
Pode ser que um dia se acabe
Mas sei que por mais que o infinito se perca
Que por mais que o mundo esqueça de existir
E que a alegria esquece de me domar
Sei que jamais esquecerei aquele teu sorriso
Jamais poderei esquecer aquele teu abraço
A sua forma de me amar
E a aquele seu jeito de me dizer: -Eu te amo!
Porque o eterno pode se acabar, mas o meu amor por você jamais terá fim!

6 comentários:

Jυℓyαnα ツ disse...

O amor faz com que a gente faça as maiores locuras..
Faz a vida valer a pena...
Bejãooo :*

Isabel disse...

O seu texto é lindo :)

beijinho
Isabel

defélix, disse...

doce ilusão em que estamos presos. Quem sabe um dia nós, amantes do amor, sejamos tomados pela razão. Mas enquando isso não chega vamos mergulhando na esperança renovada e no amor eterno.

parabéns.
gostei.

Rafa Cullen disse...

É como cantam os titãs: "Mesmo que você tenha que partir, o amor não há de ir embora" (8)
Texto perfeito. Tocou profundamente =)
=*

Vini Manfio disse...

confesso que só entrei no blog
por ser o nome da minha segunda música favorita do the beatles
enfim

o tudo
o nada
o sempre
o nunca
o fim
o tempo
são relativos
e muito relativos
e possuem tantas exceções
que não cabem num comentário

ana d. disse...

o amor nao acaba com a morte...